terça-feira, abril 29, 2008

Assim vai o Mundo!

Mulher sequestrada pelo pai por 24 anos teve sete filhos dele.

(…) No dia 18 de Agosto de 1984, Elisabeth F. foi atraída pelo pai para a cave da sua casa em Amstetten, na zona Oriental da Áustria. A mulher, então com 18 anos, terá sido drogada e algemada, antes de ser trancada no interior. Foi aí que passou os últimos 24 anos, até ser libertada pela polícia no sábado depois de esta deter o seu pai por suspeita de sequestro. As autoridades acreditam ainda que Josef F., 73 anos, é o pai dos sete filhos que Elisabeth deu à luz durante o cativeiro. (…)

Helena Tecedeiro, DN Online, 29/04/08

sexta-feira, abril 18, 2008

SIEG HEIL!

"Que país é este em que militares estão a ser alvo de processos disciplinares por lutarem pela aplicação de direitos constitucionais?"


Foi assim que o presidente da Associação Nacional de Sargentos (ANS), Lima Coelho, reagiu ontem ao mais recente processo disciplinar imposto a um militar das Forças Armadas, no caso, um militar na reforma, homenageado ontem em Lisboa por algumas dezenas de colegas.A história conta-se facilmente: Luís Alves de Fraga, coronel na reforma e autor do blogue Fio de Prumo (http://www.luisalvesdefraga.blogs.sapo.pt/), recebeu um e-mail de Carlos Nuno, também ele militar na reforma, em que eram apresentadas imagens das filas de espera à porta de um hospital militar. Dias depois de ter apresentado e comentado a história no blogue, Alves de Fraga viu-se a braços com um processo disciplinar mandado instaurar pelo chefe de Estado-Maior da Força Aérea, sob o pretexto de as suas afirmações "ferirem a dignidade, a honra e o bom-nome das chefias da Força Aérea Portuguesa".
Como forma de apoio a Luís Fraga, a ANS realizou ontem à tarde, no Café Martinho da Arcada, em Lisboa, um "Porto de Honra de Solidariedade" para com "um militar exemplar", "sancionado apenas por denunciar o que está mal", num processo que Lima Coelho classifica como "vergonhoso". O dirigente revelou que este é o 50.º processo disciplinar aplicado a militares desde que o actual Governo está em funções, sendo que a maioria foi aplicada "a sargentos, por actividades do foro associativo".Alves de Fraga, o coronel visado pelo processo, também se mostra surpreendido, referindo que não pretendia ofender ninguém e que este "é o primeiro processo que se abre a um militar reformado, quando o Regulamento de Disciplina Militar [RDM] não prevê sanções a militares nessa situação". Algo que está prestes a mudar, uma vez que o anteprojecto do novo RDM que o Governo se prepara para fazer aprovar já prevê sanções a militares reformados. Também presente na homenagem esteve Carlos Nuno. Para este antigo sargento, o processo a Luís Fraga "não passa de um espernear das entidades contra as críticas feitas pelos militares" às políticas do Governo, "nomeadamente na assistência médica militar". "O processo é caricato e fazia rir, se não fosse a sério", disse.

http://jornal.publico.clix.pt/main.asp?fd=PREVIOUS&page=10&dt=&c=A

quarta-feira, abril 16, 2008

Assim vai o Mundo!

Jovem arrancou testículo ao namorado.

Uma jovem que arrancou o testículo ao namorado com as mãos, foi condenada a dois anos e meio de prisão.
Amanda Monti de 24 anos, teve um ataque de raiva quando, no fim de uma festa, Geoffrey Jones de 37 anos rejeitou os seus avanços sexuais.
Ela arrancou o testículo do ex-namorado tentando depois engoli-lo.
Porém Amanda não conseguiu engolir o pedaço do corpo do namorado e deu-o a um amigo que depois o devolveu ao namorado de Amanda com as seguintes palavras: " É seu ".
Numa declaração escrita feita ao tribunal a vitima disse:
" Amanda atacou-me sem ser provocada e arruinou a minha vida ".
" Não tenho palavras para descrever as dores que sofri " - Afirmou Geoffrey Jones .
Amanda Monti declarou-se culpada.

Os médicos não conseguiram voltar a colocar o testículo na vítima.

"Frouxidão das Forças Armadas"

Expectativas

Pinto da Costa hospitalizado.
FC Porto desmente notícia do Expresso.
O clube nega que o presidente portista tenha recorrido ao Hospital da Luz, com a suspeita de estar a sofrer um enfarte.
Expresso Online, 16.15, Terça-feira, 15 de Abril de 2008.


Não fica bem a um jornal com o prestígio do Expresso avançar com notícias desta índole.


E não fica bem porque que cria falsas expectativas e falsas esperanças a muitos milhões de pessoas.

sábado, abril 12, 2008

Alice Vieira - "A geração do ecrã".

Por Alice Vieira, Escritora

Desculpem se trago hoje à baila a história da professora agredida pela aluna, numa escola do Porto, um caso de que já toda a gente falou, mas estive longe da civilização por uns dias e, diante de tudo o que agora vi e ouvi (sim, também vi o vídeo), palavra que a única coisa que acho verdadeiramente espantosa é o espanto das pessoas.
Só quem não tem entrado numa escola nestes últimos anos, só quem não contacta com gente desta idade, só quem não anda nas ruas nem nos transportes públicos, só quem nunca viu os “Morangos com Açúcar”, só quem tem andado completamente cego (e surdo) de todo é que pode ter ficado surpreendido.
Se isto fosse o caso isolado de uma aluna que tivesse ultrapassado todos os limites e agredido uma professora pelo mais fútil dos motivos - bem estaríamos nós! Haveria um culpado, haveria um castigo, e o caso arrumava-se.
Mas casos destes existem pelas escolas do país inteiro. (Só mesmo a Sr.ª Ministra - que não entra numa escola sem avisar... - é que tem coragem de afirmar que não existe violência nas escolas...).
Este caso só é mais importante do que outros porque apareceu em vídeo, e foi levado à televisão, e agora sim, agora sabemos finalmente que a violência existe!
O pior é que isto não tem apenas a ver com uma aluna, ou com uma professora, ou com uma escola, ou com um estrato social.
Isto tem a ver com qualquer coisa de muito mais profundo e muito mais assustador.
Isto tem a ver com a espécie de geração que estamos a criar.
Há anos que as nossas crianças não são educadas por pessoas. Há anos que as nossas crianças são educadas por ecrãs.
E o vidro não cria empatia. A empatia só se cria se, diante dos nossos olhos, tivermos outros olhos, se tivermos um rosto humano.
E por isso as nossas crianças crescem sem emoções, crescem frias por dentro, sem um olhar para os outros que as rodeiam.
Durante anos, foram criadas na ilusão de que tudo lhes era permitido.
Durante anos, foram criadas na ilusão de que a vida era uma longa avenida de prazer, sem regras, sem leis, e que nada, absolutamente nada, dava trabalho.
E durante anos os pais e os professores foram deixando que isto acontecesse.
A aluna que agrediu esta professora (e onde estavam as auxiliares-não-sei-de-quê, que dantes se chamavam contínuas, que não deram por aquela barulheira e nem sequer se lembraram de abrir a porta da sala para ver o que se passava?) é a mesma que empurra um velho no autocarro, ou o insulta com palavrões de carroceiro (que me perdoem os carroceiros), ou espeta um gelado na cara de uma (outra) professora, e muitas outras coisas igualmente verdadeiras que se passam todos os dias.
A escola, hoje, serve para tudo menos para estudar.
A casa, hoje, serve para tudo menos para dar (as mínimas) noções de comportamento.
E eles vão continuando a viver, desumanizados, diante de um ecrã.
E nós deixamos.

In Jornal de Notícias, 30/3/2008

http://jn.sapo.pt/2008/03/30/opiniao/a_geracao_ecra.html


video

sexta-feira, abril 11, 2008

Socialistas Comunistas.

ADSE
Deputados do PS questionam «desigualdade» em descontos.
Vários deputados do PS exigem uma explicação do ministro das Finanças sobre a cobrança dos descontos feitos pela ADSE aos aposentados. Irene Veloso explicou que estes descontos foram de 14 meses para os reformados e de 12 para as pessoas no activo.
TSF Online - 11 de Abril 08


Ousaram questionar a bondade e a magnificência dos actos praticados pelo Governo?
De certeza que são Comunistas disfarçados de Socialistas!

quinta-feira, abril 10, 2008

Blasfémias!



Corrupção Autárquica em Gondomar
Negócio rende 3 milhões em 6 dias
Um terreno comprado por um milhão de euros a uma família falida e vendido seis dias depois por quatro milhões à STCP. Em síntese, foi assim feito o negócio da Quinta do Ambrósio, em Gondomar. O processo já está no Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) do Porto e com despacho do Ministério Público.
A investigação da Polícia Judiciária propôs a acusação dos envolvidos: Valentim Loureiro, o seu filho Jorge, o vice--presidente da Câmara de Gondomar, José Luís Oliveira, o advogado Laureano Gonçalves e o presidente do conselho de administração da Metro do Porto, Oliveira Marques. Neste processo, o presidente da Câmara de Gondomar poderá ser acusado de branqueamento de capitais. Contra Oliveira Marques deverá recair o crime de gestão danosa, enquanto presidente da Sociedade de Transportes Colectivos do Porto.
Correio da Manhã 10 Abril 2008
http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=EC7BD065-FE05-49DB-B98E-0073287D6ADE&channelid=00000009-0000-0000-0000-000000000009



A Tirania dos Adolescentes! Ou, o regresso às origens!

Raparigas espancaram amiga para pôr no YouTube
Uma adolescente foi atraída a casa de uma amiga e violentamente espancada por um grupo de seis raparigas e dois rapazes. O ataque, que a polícia considera "animalesco", foi filmado e posto no YouTube.

http://clix.expresso.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=ex.stories/289741


terça-feira, abril 08, 2008

Dois Heróis!

No “Maracujá” – cujo link está aqui ao lado – é feita uma chamada de atenção a uma tremenda injustiça que o Governo ia cometendo (parece que já retrocedeu quanto à intenção) acerca da eliminação de isenção de custas judiciais nos processos de adopção de crianças. Vale a pena linkar.

Sandra e António são os proprietários do referido sítio na Internet e são Pais adoptivos. Dois, entre os – felizmente – muitos heróis que têm a coragem de tomar essa magnífica e humana atitude!

segunda-feira, abril 07, 2008

A Revolta dos Adolescentes!

Austrália
Adolescentes ferem 19 pessoas em ataque a escola.
Cinco adolescentes australianos foram hoje detidos após terem agredido, com tacos de basebal, um professor e ferido 18 estudantes, numa escola secundária dos subúrbios de Sydney.
Alexandre Costa, Expresso Online, 07-04-08

Nos últimos tempos não têm faltado notícias nacionais e internacionais, sobre jovens que matam, roubam, atropelam, injuriam, faltam ao respeito, etc. Curiosamente (ou não) é nos países ditos mais desenvolvidos que estes casos estão a acontecer.
Numa época que se diz de “crise de valores”, estarão estes jovens a procurar o seu papel na sociedade, ou estarão a praticar a violência quase como se de um desporto se tratasse?
Actualmente, nas sociedades desenvolvidas do Ocidente, quais serão os valores de referência para a maioria dos jovens? A pátria, a família, o respeito pelo semelhante, a vida? Talvez não. Parece-me que os valores de referência dos jovens estão a transferir-se para os “sms”, “mms”, "mp3", "playstation", "street racing", sexo filmado e difundido na "Internet", "Smith&wesson", "Beretta" e "Glock".
Um exemplo: os jovens que ingressam nas fileiras militares actualmente, têm como uma das grandes motivações as missões no estrangeiro. E quanto mais perigoso for o palco de guerra, maior a motivação.
É o culminar da iniciação na playstation, do “treino” na escola e nas claques de futebol organizadas!

domingo, abril 06, 2008

Um Coelho "fino como um rato"!

Bloco de Esquerda considera "indecente" nomeação de Jorge Coelho para Mota-Engil.
Partido defende intervalo mínimo de dez anos entre funções públicas e privadas.
05.04.2008 - 19h27 Lusa, PÚBLICO

Na sua edição de hoje, o semanário “Expresso” noticia que Jorge Coelho, enquanto ministro do Governo de António Guterres, confiou à Mota-Engil os maiores negócios das auto-estradas sem custos para o utilizador (SCUT). Segundo o semanário, o antigo ministro “atribuiu mais de mil milhões de euros em concessões rodoviárias a consórcios liderados” pela empresa que se prepara agora para liderar.

Cãopião!


sexta-feira, abril 04, 2008

Sweet Child

Pinto Monteiro aludiu ainda a casos de alunos que vão para as escolas com armas, casos que considerou bem mais graves do que o ocorrido na escola Carolina Michaelis, do Porto, onde uma aluna e uma professora disputaram um telemóvel.
«Se vos disser que tenho elementos seguros de escolas em que os alunos vão armados com pistolas de 6,35 e 9mm não me digam que isto é uma coisa que já acontecia antigamente porque não é verdade», explicou.
O PGR lembrou ainda que estes casos envolvem crianças desde os seis anos e situações em que são os próprios pais a entregarem aos seus filhos a sua pistola para se defenderem na escola.
TSF Online, 3 Abril, 2008


quinta-feira, abril 03, 2008

Papageno

Jesualdo Ferreira desvaloriza Apito Dourado.
"Ninguém nos tira o título se ganharmos sábado".

Assim como ninguém lhes tirará a fama de “batoteiros” durante muitos e longos anos!

terça-feira, abril 01, 2008

Mais Um!

"Um processo disciplinar como este só no fascismo"
João Pedro Henriques - DN Online, 29 de Março de 2008.

Luís Alves de Fraga, CORONEL NA REFORMA.
FAP processa reformado.

A Força Aérea Portuguesa (FAP) instaurou um processo disciplinar contra um coronel reformado do ramo, por críticas feitas às "longas filas" de militares que querem marcar consultas no Hospital do ramo.
A nota de culpa foi entregue quinta-feira a Luís Alves de Fraga, autor do blogue "Fio de Prumo", por aí ter responsabilizado (a 12 de Fevereiro) as chefias da FAP pelas filas que se formam à entrada do Hospital - visíveis nas fotos exibidas - por militares reformados. "As chefias responsáveis (...) já deviam ter tomado medidas contra tal estado de coisas", frisou o coronel, questionando-se depois se "não serão os Serviços do Estado-Maior da Força Aérea competentes para estudarem e resolverem o problema da marcação das consultas do Hospital".
Luís Fraga, professor na Universidade Autónoma de Lisboa, fez depois comparações com o passado: "A atitude das chefias [actuais] é diferente, porque não tendo coragem ou, tendo-a, não querem dar dela público manifesto, dão, assim, mostras de uma subserviência ao poder político que envergonha a tropa que comandam."

http://luisalvesdefraga.blogs.sapo.pt/51650.html?page=1#comentarios
http://dn.sapo.pt/2008/04/01/nacional/um_processo_disciplinar_como_este_no.html

Pagar e Repagar!

video

O assunto é conhecido, mas não é demais lembrar!